A temperatura influencia o estado da nossa pele e é ela a primeira a sofrer com as mudanças de clima. Abaixo, a dermatologista Viviane Martins apresenta os cuidados que você deve ter com a sua derme nas mais variadas temperaturas.

Confira as dicas e não deixe de seguir:

 

Lugares com temperaturas altas

Com a temperatura alta é mais difícil resistir às praias e piscinas, ou seja, a sua pele estará mais exposta ao sol, correndo o risco de queimaduras, câncer da pele e outros problemas. Por isso, antes de encarar o sol é fundamental o uso de filtro solar. Para aproveitar a viagem da melhor maneira, você precisa tomar outras medidas, como se proteger com roupas leves, óculos escuros e chapéu, usar protetor labial e evitar se expor ao sol entre 10 e 16 horas.

Para quem faz tratamentos com ácidos ou clareadores químicos, peelings, esfoliações e lasers, deve-se interromper esses tratamentos, até um mês antes da viagem, visando evitar o surgimento de manchas.

 

Lugares com temperaturas baixas

Vai aproveitar as férias nas estações de esqui ou em destinos com temperaturas baixas? É importante saber que o clima frio é implacável com a pele, podendo deixá-la queimada e ressecada.

Para que isso não aconteça, você deve beber, no mínimo, dois litros de água por dia, evitar banhos quentes e muito demorados para não alterar o hidratante natural produzido pelo organismo que protege a pele, usar hidratante logo após sair do banho, usar hidratante labial para evitar rachaduras e não deixar de fazer uso do filtro solar diariamente.

 

Lugares com clima seco

Os destinos com clima seco exigem cuidados especiais com a pele visando manter o brilho natural e saudável.

O uso de sabonetes neutros e tônicos são aconselháveis para esse tipo de clima. O rosto e o corpo devem ser hidratados diariamente com cremes e loções. Também vale cuidar das mãos e dos pés com cremes e hidratantes à base de ureia e/ou glicerina. Ainda faz parte das dicas o uso de protetor solar e hidratante labial.

 

Lugares com clima úmido

Em regiões onde o clima é úmido, é natural que a evaporação do suor pela pele se torne difícil devido a saturação da umidade relativa do ar. Consequentemente, a pele fica mais oleosa e propensa a irritações.

Os cuidados com a pele em ambientes úmidos se iniciam com a limpeza da derme duas vezes ao dia, utilizando sabonete que regule a produção sebácea e que tenha ação secativa. Em seguida, é preciso tonificar a pele usando uma loção adstringente, que é indicada para as dermes mistas e oleosas. Por fim, deve-se hidratar a cútis utilizando cosméticos em gel e evitar texturas gordurosas, como os cremes.

Outro ponto importante é se proteger usando protetor solar, beber bastante água para eliminar as impurezas do organismo e evitar alimentos gordurosos.

 

Por Viviane Martins (Dermatologista - CRM-CE: 10375 | RQE: 5374) | Clínica Haim Erel - Rua Vicente Leite, 2349, Aldeota - (85) 4008.0555 / (85) 9.9795.5848. Por Viviane Martins (Dermatologista - CRM-CE: 10375 | RQE: 5374) | Clínica Haim Erel - Rua Vicente Leite, 2349, Aldeota - (85) 4008.0555 / (85) 9.9795.5848.